Últimas Publicações:

21/09/2020 - Educação Infantil

BAÚ DE IDEIAS ̵...

Vamos continuar a contar histórias? Essa atividade é muito gostosa, nos leva a mundos divertidos. A dica de hoje para leitura é: A cesta de Dona Maricota – Tatiana Belinky. Sugestão de livro para trabalhar no Livro...

21/09/2020 - Educação Infantil

BAÚ DE IDEIAS – LER HISTÓRIAS PARA CRIANÇAS PEQUENAS

Vamos continuar a contar histórias? Essa atividade é muito gostosa, nos leva a mundos divertidos.

A dica de hoje para leitura é: A cesta de Dona Maricota – Tatiana Belinky.

Sugestão de livro para trabalhar no Livro do Grupo 4 do Aprende Brasil:

Aluno – pág. 7 – Vol. 3 – Unidade 6 – Um passeio pelo sítio!

Professor – pág. 11 a 13 – Vol. 3 – Unidade 6 – Um passeio pelo sítio!

Nesse livro, autora utiliza versos nos quais os alimentos contam as vantagens de comer verduras, frutas e legumes.

 

 

 

 

 

Sugestões de atividades:

  1. Ler ou contar a história (caso não tenha o livro, segue link): https://pt.slideshare.net/CamilaRibeiro35/a-cesta-de-dona-maricota-28474072
  2. Trabalhar com as crianças as rimas que aparecem no livro, para isso professor (a), escreva a história em papel bobina ou Kraft em letra caixa alta e faça com as crianças, a leitura apontada, ressaltando as palavras que rimam.
  3. Outra sugestão, é quando fizer o texto da história, no lugar de algumas palavras, você colocar a figura, e quando perguntar para a criança o que é, você tira a figura e coloca a palavra. Começa a dar noção para a criança de leitura de texto, de cima para baixo e da esquerda para a direita.
  4. Segue uma sugestão de material que você pode produzir para contar a história, usando diferentes materiais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

5. Também pode cantar essa música, colocando uma melodia de uma música já existente (sugestão: Sou coelhinho):

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E você, como trabalha leitura com seus alunos? Comente e compartilhe com a gente.

Forte abraço e até o próximo post!
Equipe Assessoria Educação Infantil
Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

 

 

Deixe o seu comentário!

03/09/2020 - Educação Infantil

Quarentena Brincante...

Olá pessoal! Estão em casa? Estão se cuidando? Desejamos que estejam todos bem. E as crianças, como estão? Temos certeza que por aí tem muita disposição e energia nesse isolamento social, e o que fazer para que e...

03/09/2020 - Educação Infantil

Quarentena Brincante para crianças pequenas

Olá pessoal!

Estão em casa? Estão se cuidando? Desejamos que estejam todos bem. E as crianças, como estão? Temos certeza que por aí tem muita disposição e energia nesse isolamento social, e o que fazer para que esse tempo seja gostoso e produtivo?

Que tal brincar?

Vamos lá?!

Tampas e tampinhas coloridas

Iremos precisar de:

– 1 caixa com grande quantidade de tampas de plástico colorido (garrafas PET, desodorante, spray, xampu, lata de alimentos, entre outos).

Como brincar:

A brincadeira consiste em espalhar as tampas no chão e deixar as crianças inventarem brincadeiras com elas livremente. Depois, brincar junto com elas, dando alguns comandos, tais como:

  1. Procurar tampas iguais e organizar uma fila formando pares.
  2. Fazer torres de tampas para descobrir qual o maior número de tampas que se consegue empilhar.
  3. Verificar qual o maior número de tampas que se consegue encaixar colocando umas dentro das outras.
  4. Organizar uma sequência crescente de quantidades no sentido horizontal, depois no sentido vertical.
  5. Construir castelos.
  6. Criar desenhos no chão, utilizando tampas de diferentes cores e tamanhos.
  7. Fazer “ditado” de tampas. (exemplo: duas vermelhas, uma amarela e duas azuis, pode variar com tamanho).

E AÍ, GOSTARAM? SE DIVERTAM! BOA BRINCADEIRA!

 

Deixe seu comentário e compartilhe com a gente.
Forte abraço e até o próximo post!
Equipe Assessoria Educação Infantil
Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

 

Referência:
CUNHA, N.H. S. Criar para brincar – a sucata como recurso pedagógico. Editora Aquariana. São Paulo, SP. 2005.

Deixe o seu comentário!

  • Ótima atividade gosto de trabalhar com esse material e desenvolver a aprendizagem dos pequenos e sempre cuidando para eles não por na boca.

    • Olá Marinês, é uma delícia mesmo, eles adoram, e acima de tudo, o lixo pode virar ótimos brinquedos. Abraço. Luciane

    • Olá Fabiana, que bom que está curtindo nossas sugestões, aproveite muito e fica de olho, logo teremos novidades. Abraço. Luciane

  • Com a falta das aulas presenciais, estou usando todas as minhas criatividades com a minha netinha de dois anos. Junto toas as embalagens citadas e muitas tampinhas para as nossas brincadeiras. Também utilizo cabos de vassouras para exercitar saltos(Frontal e laterais), tenho um tapete redondo emborrachado que serve como nosso pula-pula imaginário…Nos divertimos muito!!!

    • Olá Mirian, que delícia deve ser, que momentos ricos com sua neta, para ficar na memória afetiva dela. Deu saudades da minha vó! Abraço.
      Luciane

  • Boa noite , gosto de usar tampinhas para fazer chocalho, pois minha turma tem 2 anos, acho que é perigoso, pois eles podem colocar na boca. Abraços

03/09/2020 - Educação Infantil

Quarentena Brincante...

Olá! Continuamos todos juntos e em casa, vamos nos cuidar e cuidar de quem amamos. E como estamos em casa com nossas crianças em isolamento social, vamos fazer para que esse tempo seja gostoso e produtivo! Que tal brin...

03/09/2020 - Educação Infantil

Quarentena Brincante para bebês e crianças bem pequenas

Olá!

Continuamos todos juntos e em casa, vamos nos cuidar e cuidar de quem amamos. E como estamos em casa com nossas crianças em isolamento social, vamos fazer para que esse tempo seja gostoso e produtivo!

Que tal brincar? Vamos?!

Aberto, fechado, dentro e fora

Iremos precisar de:

-uma caixa de papelão com tampa;

– um brinquedo do cotidiano da criança;

– canetas hidrográficas.

Confecção do material:

Com as canetas hidrográficas coloridas, desenhe janelas e telhado, formando uma casa. A porta corresponderá à abertura da caixa.

Como brincar:

  1. Pegue um brinquedo que seja do cotidiano da criança e diga-lhe que o colocará dentro da caixa (se a criança for mais velha, você pode pedir-lhe que faça isso).
  2. Ponha o objeto na caixa e fale para a criança que fechará a casinha para o boneco “dormir”. Depois, abra a caixa dizendo que o boneco já “acordou” e tire-o de dentro dela.
  3. Durante a brincadeira, enfatize as palavras dentro/fora e fechado/aberto. Se as crianças forem maiores, peça-lhes que dramatizem as ações, explicando o que estão fazendo.

E AÍ, GOSTARAM? OS BEBÊS SE DIVERTIRAM?!

 

Deixe seu comentário e compartilhe com a gente.
Grande abraço, e até o próximo post!
Equipe Assessoria Educação Infantil Aprende Brasil
Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil
Referência:
FERREIRA, L.C.S. Educação na Primeira Infância. Editora Opet. Curitiba, PR. 2011.

Deixe o seu comentário!

  • Boa noite, neste isolamento, uma das atividades que fiz com as famílias, tinham caixas de papelão. Território das caixas, marcas em caixas, casinha de caixas. Elas gostaram muito.

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante...

Olá, pessoal! Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem! Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano! Nem sempre é necessá...

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante para bebês e crianças bem pequenas

Olá, pessoal!

Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem!

Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano!

Nem sempre é necessário ter brinquedos prontos e estruturados, com barulhinhos e músicas para despertar o interesse dos pequenos. Com dedicação, interesse , imaginação e criatividade é possível inventar brincadeiras, jogos e brinquedos que chamem atenção das crianças, que agucem a curiosidade, a experiência e a descoberta e que contribuam para o seu pleno desenvolvimento.

Hoje, gostaria de apresentar uma brincadeira lúdica para estimular o raciocínio, a coordenação, a diversão e a concentração das crianças.

Objetos da própria casa ou materiais recicláveis que seriam descartados ou jogados no lixo se tornam brinquedos e brincadeiras diferentes, divertidas e de grande aprendizado.

Brinquedo com caixa de ovo

Caixa de ovos vira brinquedo de encaixar.

 A primeira dica é “ furando a caixinha de ovos”.

Furar a caixa de ovos para que a criança possa encaixar hastes flexíveis (ou cotonetes) é ótimo para desenvolver a coordenação motora fina, o movimento pinça, a linguagem corporal e a concentração. Essa brincadeira pode entreter e alegrar os pequenos por muito tempo e ser repetida várias vezes.

Para fazer esta atividade, pegue um objeto perfurante (pode ser uma chave de fenda ou tesoura), fure a caixa de ovo e dê as hastes flexíveis para a criança começar a encaixá-las nos buraquinhos feitos, se entreter e brincar. Vale lembrar que esta brincadeira deve ser supervisionada por um adulto, já que as hastes podem ser atrativas para as crianças e colocadas em lugares perigosos, como olhos e boca.

Outra opção é “enchendo a caixinha de ovos”.

Esta sugestão também é ótima para desenvolver a coordenação motora, o movimento pinça, a noção de espaço, o raciocínio e demais habilidades.

Para esta proposta, pegue uma caixinha de ovos, deixe-a aberta e coloque-a sobre um tapete no chão da sala ou do quarto ou de outro ambiente da casa que desejar.

Coloque dentro de uma caixinha ou pote ou pratinho de plástico alguns objetos ( tampas de garrafa pet, pompons de lã, bolinhas feitas de massinha de modelar, pecinhas de lego, enfim o que desejar e que tiver disponível e que seja do tamanho suficiente para colocar no lugar dos “ ovos” que não estão mais na caixa).

Em seguida, é só deixar a criança colocar os objetos dentro dos espaços vazios da caixinha de ovos. É interessante observar se a criança coloca um único objeto ou mais de um no mesmo espaço, se preenche todos os espaços vazios, se coloca e depois retira o objeto para repetir a brincadeira, pega um de cada vez ou se consegue pegar dois ou mais objetos e coloca-os em uma única vez, enfim observar qual foi a estratégia e raciocínio utilizado por ela ao tentar completar a caixinha de ovos. Lembro novamente, que esta brincadeira deve ser supervisionada por um adulto, já que os objetos disponibilizados podem ser atrativos para as crianças e colocados na boca.

 

 

 

 

 

As duas propostas são muito interessantes para essas faixas etárias e é importante, por parte do adulto proporcionar situações que possam instigar o pensamento e a descoberta da criança, fazendo alguns questionamentos como:

“Porque você colocou a haste aqui e não ali?”

“Parabéns, você colocou as hastes em todos os buraquinhos da caixinha!”

“Será que todas as hastes foram colocadas nos buraquinhos da caixinha?”

“Quer minha ajuda?”

“Porque você não colocou todos os objetos dentro dos espaços vazios da caixinha de ovos?”

“Porque você colocou os objetos na caixinha sempre deixando um espaço vazio entre eles?”

“Porque você colocou dois objetos num único espaço da caixinha?”

“Ficou algum espaço sem ser preenchido?”

“Parabéns, você preencheu todos os espaços vazios da caixinha de ovos.”

É importante a interação, a participação e a observação do adulto durante a realização da atividade. Assim, é possível perceber as capacidades, o interesse, a motivação, as dificuldades e as conquistas da criança, assim como propostas tão simples podem contribuir para o seu pleno desenvolvimento.

Depois que brincar com seus pequenos, deixe um comentário contando como foi a experiência da caixinha de ovos.

Forte abraço e até o próximo post!

Equipe Assessoria Educação Infantil

Não hesitem, entrem sempre em contato conosco pelo e-mail edinfantil@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

 

Deixe o seu comentário!

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante...

Olá, pessoal! Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem! Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano! Hoje, gostaria de apre...

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante para crianças pequenas

Olá, pessoal!

Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem!

Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano!

Hoje, gostaria de apresentar um jogo que ajuda no desenvolvimento do raciocínio, da lógica, estratégia e resolução de problemas, prever o movimento do adversário, aprender a formar sequência e ter paciência.Vocês conseguem adivinhar sobre qual jogo estou me referindo?

Mais uma dica para vocês: pode-se jogá-lo dentro e fora de casa, utilizando materiais variados.

Simmm!! JOGO DA VELHA – Esse é o nome do jogo!

O Jogo da Velha (ou Jogo do Galo como é conhecido em Portugal, ou Tic Tac Toe) é milenar. Estudiosos de jogos antigos dizem que no Antigo Egito já havia registros de tabuleiros da “Velha” esculpidos em pedras. Que bacana, não é?

Eu joguei muito esse jogo e adorava jogá-lo! E vocês conhecem esse jogo? Vocês sabiam que podemos criar outras possibilidades para jogá-lo?

Regras do Jogo da Velha

  • O tabuleiro é uma matriz  de três linhas por três colunas.
  • Dois jogadores escolhem uma marcação cada um, geralmente um círculo (O) e um xis (X).
  • Os jogadores alternadamente, fazem uma marcação por vez, numa lacuna que esteja vazia.
  • O objetivo é conseguir três círculos (O) ou três xis (X) em linha, quer horizontal, vertical ou diagonal, e ao mesmo tempo, quando possível, impedir o adversário de ganhar na próxima jogada.
  • Quando um jogador conquista o objetivo, costuma-se riscar os três símbolos.

Se os dois jogadores jogarem sempre da melhor forma, o jogo terminará sempre em empate.

É uma brincadeira que permite ter algumas variações e possibilidades de aproveitamento em várias situações.

Vamos ver algumas delas?

Jogo da velha no tabuleiro (o tabuleiro pode ser substituído por sulfite, cartolina ou outros papeis lisos disponíveis em casa)

  • Para jogar, desenhe um diagrama com duas linhas verticais paralelas cruzadas por duas linhas horizontais também paralelas, de maneira a formar nove espaços vazios. Dois jogadores escolhem uma marcação cada um, geralmente um círculo (O) e um xis (X) feitas com caneta ou lápis de cor ou giz de cera. Porém, se preferir pode-se substituir as marcações círculo (O) e xis (X) por outros materiais como tampinhas de garrafa pet ( escolher duas cores diferentes), botões ( escolher duas cores ou dois formatos diferentes), quadradinhos feitos de papel ou EVA ( escolher duas cores ou dois formatos diferentes). Porém, cuidado com peças muito pequenas para que as crianças não as levem à boca!

 

 

 

 

 

Jogo da velha com prato descartável.

É só usar a fita adesiva para fazer o desenho do tabuleiro no chão da sala, da garagem da sua casa ou no jardim.

  • Utilize pratinhos de cores diferentes para cada jogador ou faça uma marcação diferente nos pratinhos de cada jogador, como: para um jogador pratinhos marcados com X e para o outro jogador pratinhos marcados com um tracinho. Ou, se preferir cole imagens ( sol, coração, estrela, flor, etc,.) que simbolizem a diferença dos pratinhos dos dois jogadores . Depois, é só jogar!

Jogo da Velha Humano

Para essa sugestão é necessário fazer um tabuleiro gigante com fita crepe no chão da sala, da garagem da sua casa ou no jardim.

  • Seis pessoas podem brincar, três em cada time que corresponde a dois times. A equipe do xix (X) ficam com os braços abertos. A equipe do círculo (O) com as mãos na cintura. Cada um na sua vez se posiciona numa casinha do tabuleiro até formar a “Velha”.

Super divertido! Se não tiver tantas pessoas para jogar, você pode complementar o tabuleiro com objetos como uma bola, um chinelo, folhas de árvores, gravetos, pedras, enfim o objeto que desejar e que tiver disponível em sua residência.

Jogo da velha com palitos de picolé

Para essa sugestão é necessário fazer um tabuleiro com quatro palitos de picolé no chão da sala, da cozinha, do quarto ou sobre uma mesa. Dois devem ficar na posição vertical e dois na horizontal para formar o tabuleiro como feito no papel.

  • Utilize palitos coloridos ou peça para a criança pintá-los com giz de cera ou tinta guache. Você poderá jogar com tampinhas de garrafa pet (escolher duas cores diferentes) ou fazer marcações diferentes nas tampinhas dos dois jogadores ou escolha os objetos disponíveis em sua residência para poder jogar. Com o tabuleiro pronto é só iniciar o jogo!

 

E aí, que tal experimentar alguma dessas possibilidades e jogar com sua família?

Depois, conte para nós como foi a sua experiência com essas possibilidades diferentes do jogo da velha! Ou crie uma outra e compartilhe conosco! Ficaremos muito felizes com sua ideia e comentário!

Forte abraço e até o próximo post!

Equipe Assessoria Educação Infantil

Não hesitem, entrem sempre em contato conosco pelo e-mail edinfantil@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

REFERÊNCIAS:

Brincadeira adaptada de: https://www.tempojunto.com/2016/05/19/jogo-da-velha-e-uma-brincadeira-para-dentro-e-fora-de-casa-que-estimula-a-velocidade-de-raciocinio/ Acesso em: 28/06/2020

Deixe o seu comentário!

23/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante...

Olá, Papais, Mamães, Familiares e Professores (as)! Como vocês estão? Sabem aqueles sacos de papel para pão? Tem aí na casa de vocês? Muitas pessoas compram pão e depois descartam o saco de papel, pois não tem m...

23/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante para bebês e crianças bem pequenas

Olá, Papais, Mamães, Familiares e Professores (as)!

Como vocês estão?

Sabem aqueles sacos de papel para pão? Tem aí na casa de vocês?

Muitas pessoas compram pão e depois descartam o saco de papel, pois não tem muita utilidade… Então, a ideia da nossa Quarentena Brincante de hoje é fazer fantoche usando o saco vazio do pão.

Fantoches divertem os bebês e as crianças bem pequenas e podem ser usados para contação de histórias conhecidas ou inventadas. Podem ser feitos também com luvas ou com meias, como a imaginação, a criatividade e os recursos que vocês tiverem em casa permitirem!

Algumas ideias:

– Fantoche de saco de pão: basta desenhar o rosto do personagem com canetinha, giz, tinta ou o riscante que tiverem em casa. Também é possível cortar de revistas ou desenhar em papéis coloridos e montar o rosto ou até corpo todo do personagem (ou dos personagens!) que vocês desejam fazer;

– Fantoche de meia ou de luva: a meia ou a luva podem ser pequenas, do tamanho da mão da criança, ou, grande, do tamanho da mão do adulto que vai brincar com o bebê ou com a criança. Aqui, os olhos, o nariz e a boca podem também ser desenhados com caneta própria para tecido ou, ainda, as partes do rosto, e se quiser, do corpo também (depende de como fará seu fantoche) podem ser coladas ou costuradas, feitas com retalhos de tecido, TNT ou até mesmo de papel ou imagens de revistas. Vale colar lã, fita ou barbante para fazer os cabelos, colocar chapéu, roupa…

Vale também fazer fantoches de animais para inventar histórias e cantar músicas! Nós, aqui da Assessoria, sabemos que muitos bebês e crianças bem pequenas apreciam brincadeiras como essas! Inclusive dedoches, até mesmo desenhando assim, no dedo, de forma bem simples! (Fiz agora, em 10 segundos!):

Foto: arquivo da assessoria.

O que acharam?

Depois de pronto o fantoche (ou os fantoches, caso queiram contar uma história com mais de um personagem), é hora de se divertir! Lembrem-se: não há limites para a criatividade! Quando mais a gente inventa e cria, mais “esse músculo” é trabalhado e mais e mais ideias vêm! Os pequenos apreciam e aprendem, brincando, por meio das interações e do envolvimento, da diversão com a família! Crianças a partir de 1 ano podem ajudar na confecção dos fantoches, desenham, colando ou colorindo.

Sabem, papais, mamães, familiares, o que importa não é muito a estética do fantoche não (o resultado final). Não precisa ficar lindo, perfeito… O que conta mais é a diversão, a disponibilidade do adulto que brinca com o bebê / criança bem pequena, o envolvimento, a alegria – esses sim são materiais indispensáveis na hora de produzir os fantoches, contar histórias, cantar e brincar com os pequenos! Divirtam-se!

 

Grande abraço e até o próximo post!

Equipe Assessoria Educação Infantil

 

Sempre que desejar, entre em contato conosco:

edinfantil@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

Foto capa: https://www.pexels.com/pt-br/foto/caneta-escrita-escrevendo-redacao-3661553/

Deixe o seu comentário!

    • Olá Edileusa, verdade, o lixo pode se transformar em muitos brinquedos bacanas para nossos pequenos. Abraço. Luciane

    • Olá, Silvana!
      Ficamos felizes por ter apreciado as sugestões!
      Você poderá incrementar ainda mais e, se possível, deixar a criança colaborar na confecção do fantoche!
      Criem histórias e cenários com os fantoches!
      As crianças vão adorar!
      Forte abraço,
      Equipe de Assessoria da Educação Infantil.