Últimas Publicações:

26/03/2021 - Educação Infantil

Bebês e Cia –...

Olá professor (a)! Já falamos diversas vezes sobre a importância da interação para o desenvolvimento dos bebês e crianças bem pequenas. Seja por meio de músicas, histórias ou brincadeiras, além é claro de muit...

26/03/2021 - Educação Infantil

Bebês e Cia – Brincar com bebês e crianças bem pequenas

Olá professor (a)!

Já falamos diversas vezes sobre a importância da interação para o desenvolvimento dos bebês e crianças bem pequenas. Seja por meio de músicas, histórias ou brincadeiras, além é claro de muito carinho, e interagir com o pequeno colabora para que ele se desenvolva de forma mais plena e saudável, além de fortalecer o vínculo de afeto entre vocês.

Cabe a creche enriquecer a experiência lúdica da criança. Para isso, é necessário primeiramente observar o sujeito em ação para tentar conhecer essa realidade: como ele usa os espaços, como interage, como se utiliza dos brinquedos e como aprende. É necessário atentar também para os espaços que são disponibilizados para a brincadeira: o ambiente deve estimular a criatividade, a imaginação, a autonomia e a espontaneidade, mas ao mesmo tempo, deve ser seguro.

Que tal uma brincadeira divertida?

Vamos remar!

Sente-se com as pernas esticadas ou cruzadas e coloque seu bebê/criança sentado de frente para você ou sobre suas pernas. A criança deve posicionar-se entre suas pernas. Com os maiores, pernas esticadas e um pouco entreabertas.

Pegue as mãos do bebê/criança e faça movimento para frente e para trás. Primeiro você se impulsiona para trás e, com isso, fazemos com que o corpo da criança vá para frente. E depois convide o bebê/criança para que caia para trás e você se deixa ir para frente.

Pode seguir a brincadeira, com uma música ritmando o movimento, por exemplo, cante uma música de marinheiro, veja um exemplo, clique aqui  WhatsApp Audio 2021-03-25 at 14.13.27 (1)  para ouvir!

Ô marinheiro, marinheiro, marinheiro só,

  ô quem te ensinou a nadar,

marinheiro só,

ou foi o tombo do navio, marinheiro só,

oi foi o balanço do mar,

marinheiro só.

A brincadeira pode ter variações, não só de ritmos, mas também a posição das pernas. Com as crianças maiores os movimentos podem ser ampliados e elas realizarão a atividade com maior autonomia; indo para frente e para trás, apoiando-se com as mãos nas de seu par.

Essa brincadeira pode ser bastante divertida!

E aí, professor, o que achou dessa nossa sugestão?

E você, como trabalha essa brincadeira com seus alunos? Comente e compartilhe com a gente.

Forte abraço e até o próximo post!
Equipe Assessoria Educação Infantil
Se desejar falar conosco, envie e-mail para: edinfantil@aprendebrasil.com
Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

 

Deixe o seu comentário!

10/03/2021 - Ensino Religioso, História

Dialoga, Brasil! ...

Palavras-chave: Tempo, temporalidade, memória. Segmento/ano: Ensino Fundamental, Educação Infantil.     Professores, vamos refletir um pouco sobre o conceito de tempo e temporalidade?   O que entendemos...

10/03/2021 - Ensino Religioso, História

Dialoga, Brasil! – Para que serve o tempo?

Palavras-chave:

Tempo, temporalidade, memória.

Segmento/ano:

Ensino Fundamental, Educação Infantil.

 


 

Professores, vamos refletir um pouco sobre o conceito de tempo e temporalidade?

 

O que entendemos por realidade é um processo individual para cada pessoa. Formado sobretudo através do nosso contato com o mundo externo e nossa absorção dele. Isso não ocorre de maneira neutra, pois nossas crenças, memórias, vivências, etc. servem de filtro para que a realidade chegue até nós, tornando-se um processo único para cada pessoa. 

Um dos fatores determinantes na forma como vamos dialogar com o mundo externo é o tempo. Por vezes tão abstrato, lidamos com ele de forma mecânica no cotidiano, ou mesmo inconsciente. Porém, compreender as diversas construções de tempo que nos rodeiam, permite-nos observar acontecimentos, agir e analisar a realidade de maneira mais crítica na nossa relação com o meio, com as pessoas e com nós mesmos. Tempo, é também um instrumento chave quando o assunto é ensino de História!

A nossa compreensão de tempo passa por um caminho: concepção do tempo, percepção do tempo e temporalidade.

A concepção está atrelada ao social, ou seja, como a sociedade na qual fomos criados entende o tempo? 

Sobretudo no ocidente, fomos ensinados a lidar com ele de forma cronológica e linear. Essa concepção é baseada numa ideia progressiva do tempo, como se estivéssemos caminhando em uma linha reta. Ou melhor, como se a História do mundo caminhasse de forma linear. As famosas linhas do tempo, tão usadas na História e no ensino dela, são um ótimo exemplo disso!

Apesar de ser comum vermos essa concepção como “natural”, há inúmeras críticas à ela, primeiro porque reproduz uma visão eurocêntrica e excludente do mundo, segundo porque:

 

O tempo da História não é uma linha reta […] as linhas entrecruzadas por ele compõem um relevo. Ele tem espessura e profundidade (PROST, 2014, p. 114)

 

Dessa forma, é importante que observemos que construir uma História cronológica e selecionar os fatos considerados relevantes para se estar em uma linha do tempo não é um processo neutro e exclui dessa linha muitos outros acontecimentos e fatos ocorridos em tempos e espaços distintos. 

 

Para acessar o PDF clique na imagem ou AQUI.

 

Por sua vez, a percepção do tempo está ligada a forma como a concepção social chega para nós, de forma individual, filtrado por nossas memórias, vivências, crenças, etc. 

E por fim, chegamos a temporalidade: a sensação de passagem objetiva do tempo, no cotidiano, e nossas ações ligadas e delimitadas pelo tempo. A hora de acordar, sair de casa para o trabalho, escola ou faculdade, o horário daquela reunião importante, a hora do almoço e do café da tarde… tudo isso influencia as nossas ações e nossas relações: eis a importância da temporalidade!

Assim percebemos que, apesar de inconsciente, nossa relação com o tempo molda quem somos, como estamos e como entendemos o mundo! Esse processo começa ainda na infância e o ensino de História pode ser um aliado importante. Apresentar às crianças diversas formas de compreender o tempo pode ampliar a percepção de tempo e desenvolver sujeitos que se relacionam de forma mais saudável com o mundo, com as pessoas e com si mesmo. Um sujeito crítico!

 

Para acessar o PDF clique na imagem ou AQUI.

 

Apontamos que a percepção cronológica e linear de tempo se apresenta de forma excludente e eurocêntrica. Que tal expandir nossos conhecimentos sobre o tempo para outros grupos sociais? Esse material do InfoAmazonia e do Instituto Socioambiental nos apresenta um pouco da ideia de tempo para uma etnia dos povos originários do Brasil, perpassando a  astronomia, os ecossistemas climáticos e a espiritualidade.

 

Ciclos Anuais dos povos indígenas do Rio Tiquié – Calendário Indígena

 

E a pergunta que fica é: como fazer isso na prática, na realidade da sala de aula?

Fica ligado (a) no próximo post que vamos te apresentar uma possibilidade prática!

 

Habilidades mobilizadas (BNCC):

EF02HI06 Identificar e organizar, temporalmente, fatos da vida cotidiana, usando noções relacionadas ao tempo (antes, durante, ao mesmo tempo e depois).

EF04HI01 Reconhecer a história como resultado da ação do ser humano no tempo e no espaço, com base na identificação de mudanças e permanências ao longo do tempo.

EF06HI01 Identificar diferentes formas de compreensão da noção de tempo e de periodização dos processos históricos (continuidades e rupturas).

 

*Texto escrito em parceria entre: Equipe Assessoria de História e Professora Daniela Pereira da Silva

 

Sempre que precisar entre em contato conosco: historia@aprendebrasil.com.br
Siga nossas redes sociais: Instagram @aprendebrasil / YouTube: Sistema Aprende Brasil

 

Referências:
BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica. Base Nacional Comum Curricular. Brasília: MEC/SEB, 2017. Disponível em: <http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/bncc-20dez-site.pdf>. Acesso em: maio, 2018.
WHITROW, G. J. O Tempo na História. Rio de Janeiro. Editora Zahar, 1993.
FERREIRA, Marieta de Morais; OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de. Dicionário de Ensino de História. Editora FGV, 2019.

Deixe o seu comentário!

02/03/2021 - Educação Infantil, Informática Educativa

Aprende Brasil Digital: Educação Infantil

Olá, Professores!

Como vocês estão?

Passando aqui hoje para fazer um convite!

Em nossos encontros online da Semana Pedagógica já apresentamos nosso novo ambiente virtual: ABD – Aprende Brasil Digital e hoje viemos aqui para reforçar o convite e deixar registradas todas as possibilidades, os materiais e os recursos que disponibilizamos para vocês!

Para quem é o Aprende Brasil Digital? Para educadores, crianças e seus responsáveis.

O que temos lá?

Para os educadores:

– Ideias, dicas e sequências didáticas com sugestões de ampliação para trabalho com todas as faixas etárias, para os planejamentos e para as práticas pedagógicas;

– Blog, áudios, histórias, músicas e jogos que podem ser utilizados na creche, na pré-escola e podem ser indicados para as famílias realizarem em casa, junto com as crianças, inclusive pensando no ensino remoto;

– Documentos legais e biblioteca do professor, com textos, artigos e diversos materiais para estudo;

– PDFs dos livros do professor e das crianças.

Para as crianças:

– OEDs – objetos educacionais digitais (histórias, vídeos, jogos, áudios e músicas). As crianças podem utilizar com auxílio de um adulto: na escola, com os professores e em casa, com os responsáveis.

No ABD é possível acessar os vídeos “Aprende em casa Brasil” com sugestões para:

– Grupo 1: Álbum do Bebê e Livro das Trajetórias;

– Grupo 2: Pranchetas de Experimentação;

– Grupos 3, 4 e 5: todas as Unidades Temáticas.

Como acessar esses recursos e usufruir de todas essas ferramentas? Fazer login em www.aprendebrasildigital.com.br, com usuário e senha fornecidos por sua instituição.

Boa diversão e bom aprendizado!

Um abraço da Assessoria Pedagógica da Educação Infantil

Se desejar falar conosco, envie e-mail para: edinfantil@aprendebrasil.com.br

Deixe o seu comentário!

05/02/2021 - Educação Infantil

Bom início de ano l...

Olá, pessoal! Chegou fevereiro! Algumas escolas retornaram às atividades presenciais, outras ainda não. Algumas retornarão na próxima semana no formato híbrido, algumas ainda com o ensino remoto… As realidade...

05/02/2021 - Educação Infantil

Bom início de ano letivo!

Olá, pessoal!

Chegou fevereiro! Algumas escolas retornaram às atividades presenciais, outras ainda não. Algumas retornarão na próxima semana no formato híbrido, algumas ainda com o ensino remoto… As realidades são bastante diversas nos diferentes municípios do nosso Brasil.

O que não é muito diferente (dizemos isso porque estamos ouvindo bastante!), é a vontade de voltar: “A escola vazia é triste. Estamos com saudade das crianças brincando no pátio, saudade do agito…”, dizem muitos que trabalham com educação.

Queremos muito voltar, mas com segurança! Por isso, deixamos algumas dicas para auxiliar nesse momento de volta às aulas:

– As crianças têm papel ativo! Devemos deixar que elas falem sobre seus sentimentos, desejos e medos. Isso inclui o acolhimento com respeito à individualidade de cada criança.

– Nós, adultos, devemos tratar assuntos de adultos, com relação à escola, somente entre adultos!

– A escola deve sempre solicitar auxílio da família e a família solicitar auxílio da escola, bem como de outros profissionais, quando necessário, pensando no bem estar, na saúde física, mental e no desenvolvimento saudável das nossas crianças.

Nesse momento, escuta atenta e acolhimento com respeito e amor fazem toda diferença!

Desejamos um excelente ano letivo e, seja qual for a modalidade, sabemos que conseguiremos fazer desse um ano especial e repleto de aprendizagens pois sabemos que podemos sempre nos reinventar!

Contem sempre conosco!

Um abraço da Assessoria da Educação Infantil

Sistema de Ensino Aprende Brasil

Foto disponível em: https://pixabay.com/pt/photos/menino-ao-ar-livre-humano-mochila-1822565/

Deixe o seu comentário!

31/10/2020 - Educação Infantil

QUARENTENA BRINCANTE...

Olá, Pessoal! Papais, mamães, familiares e professores! Como vocês estão? E as crianças? Brincando e inventando bastante por aí? É… As crianças são incríveis! Muitas delas gostam de interagir, criar, troc...

31/10/2020 - Educação Infantil

QUARENTENA BRINCANTE PARA BEBÊS E CRIANÇAS BEM PEQUENAS

Olá, Pessoal!

Papais, mamães, familiares e professores! Como vocês estão?

E as crianças? Brincando e inventando bastante por aí?

É… As crianças são incríveis! Muitas delas gostam de interagir, criar, trocar com outras crianças e com os adultos, conversar e compartilhar suas ideias, aprendizagens, sentimentos e emoções… Estamos acompanhando situações e ouvindo relatos de histórias do que as crianças estão inventando e o quanto estão se desenvolvendo em casa, de uma outra maneira, nesse ano que está sendo tão diferente.

Para contribuir com vocês, hoje vamos apresentar algumas sugestões de brincadeiras que estão no nosso canal do YouTube “Aprende Brasil”. Vocês já navegaram por lá? #ficaadica

As sugestões a seguir foram apresentadas pela professora Patrícia Zettel, nos vídeos do Grupo 1 e podem ser realizadas com bebês e crianças bem pequenas, ou seja, crianças de 0 (zero) a 3 (três) anos, sendo possível também adaptar para crianças maiores, de acordo com o interesse e, até mesmo, incentivando-as que participem das criações.

 “CAMA DE GATO”

Vocês fizeram essa brincadeira quando eram crianças? Dá para fazer com elástico, barbante ou lã e brincar com as mãos, em duplas… Conhecem?

Mas hoje, a ideia é brincar de CAMA DE GATO usando o corpo todo!

Para assistir, aprender a fazer, mostrar para as crianças e inspirar, acessem:

https://youtu.be/UyUWpLUC01Q?list=PLlCa46nS3RG4wvHjX8cpsubUIrezTo1PD

Vejam como faz:

Que graça o filho da professora Patrícia explorando a brincadeira e os desafios:

Gostaram?

Então vai outra sugestão:

“SAPO BABÃO”

A professora Patrícia ensina também como confeccionar o sapo babão e mostra, no vídeo, como essa brincadeira pode ser divertida e ainda possibilitar aprendizado!

Para assistir ao vídeo: https://youtu.be/oXW_BDMy1ZU?list=PLlCa46nS3RG4wvHjX8cpsubUIrezTo1PD

Para brincar com bebês, a sugestão é que o adulto assopre para fazer as bolhas de sabão e deixe o bebê brincar com a espuma. Diversão garantida também para a hora do banho! As crianças um pouco maiores, que já conseguem, podem assoprar sozinhas.

Que tal brincar com as crianças?

Depois, comentem e contem para nós! Vamos gostar de saber como foi a diversão e quais foram os aprendizados por aí!

Até o próximo post… Divirtam-se!

Um abraço,

Assessoria Pedagógica da Educação Infantil

Deixe o seu comentário!

30/10/2020 - Educação Infantil

QUARENTENA BRINCANTE...

Olá, Pessoal! Papais, mamães, familiares e professores! Como vocês estão? Queremos saber: as crianças de vocês também são super ativas e estão brincando, inventando e criando o tempo todo? Pois é! É o que esta...

30/10/2020 - Educação Infantil

QUARENTENA BRINCANTE PARA CRIANÇAS PEQUENAS

Olá, Pessoal!

Papais, mamães, familiares e professores! Como vocês estão?

Queremos saber: as crianças de vocês também são super ativas e estão brincando, inventando e criando o tempo todo? Pois é! É o que estamos ouvindo e acompanhando… notícias e novidades incríveis de criações e descobertas feitas pelas crianças que, junto com as famílias, encontraram estratégias de adaptação para o aprendizado durante esse ano atípico.

Assim, para auxiliar com sugestões de brincadeiras, trazemos mais um post de “Quarentena Brincante”!

As ideias a seguir estão em alguns vídeos do nosso canal do YouTube “Aprende Brasil”. Vocês conhecem? Vale a pena conferir… Temos vídeos com brincadeiras e aprendizagens lúdicas referentes aos temas trabalhados em nosso material didático, bem como sugestões de ampliação, como as apresentadas a seguir. Confiram!

“CHAPÉU DO PIRATA”

Neste vídeo, a professora Raphaela Vergara ensina como fazer um chapéu de pirata e, nos vídeos seguintes, canta, conta histórias e propõe outras brincadeiras ligadas ao tema “Descobridor dos 7 mares”, presente no material das crianças do Grupo 4.

Vídeo disponível em: https://youtu.be/W-homoh2l2E?list=PLlCa46nS3RG4-tq3lHTf9fFykdQiRsGDt

Depois de fazer o chapéu, que tal brincar de “Caça ao tesouro”?

A professora Raphaela ensina essa e outras sugestões na playlist do Grupo 4, que também podem ser feitas por crianças de outras idades, basta adaptar e lembrar: o que vale é sempre a intenção e a criatividade!

“O GALO E A GALINHA”

A playlist do Grupo 5 também está recheada de ideias e sugestões de brincadeiras! No vídeo a seguir, a professora Silmara ensina a brincar de “O galo e a galinha”, com música e movimentos para exercitar o corpo, promover momentos de interação e aprendizagem em família.

Vídeo disponível em: https://youtu.be/PuUoN_1Zw0I?list=PLlCa46nS3RG7jzotWIsjuvRC8kWJtlAHp

Há uma música, para cantar e fazer brincadeiras com as mãos, que traz uma sequência, um desafio para as crianças memorizarem!

A professora Silmara ensina outras formas de brincar e ideias para criar não só com as mãos, mas também com o corpo todo.

Que tal acessar os vídeos sugeridos e começar a brincar agora mesmo?

Vamos gostar de saber como foi a diversão em família e quais foram os aprendizados por aí. Comentem aqui embaixo!

Divirtam-se… E até o próximo post!

Um abraço,

Assessoria Pedagógica da Educação Infantil

Deixe o seu comentário!