Últimas Publicações:

24/09/2020 - Língua Inglesa

Padlet nas aulas de ...

Hello, everyone!!! How are you doing? I hope you are really good! Learning new things and rhythms! Por aqui estamos a mil por hora! A cada dia nos surpreendendo com a criação dos professores e a sua paixão por ensinar...

24/09/2020 - Língua Inglesa

Padlet nas aulas de inglês – um mural interativo para criar e compartilhar

Hello, everyone!!!

How are you doing? I hope you are really good! Learning new things and rhythms!

Por aqui estamos a mil por hora! A cada dia nos surpreendendo com a criação dos professores e a sua paixão por ensinar.

Em nossa formação digital, no curso Inglês com jogos e brincadeiras estamos trabalhando o conceito e algumas possibilidades de gamificação.

Para conseguir um mural colaborativo e postar atividades, imagens, textos, vídeos, utilizamos o Padlet. O Padlet é uma ferramenta online que funciona como mural interativo e permite criar um espaço onde professor e alunos podem interagir postando ideias, vídeos, links, imagens, comentando e dando like nas outras postagens. E você pode utilizar facilmente no Google Classroom ou enviar link e QR code para compartilhamento.

Fizemos um Padlet para o curso, sobre gamificação. Visite e veja!

https://padlet.com/cassianabeghetto/rimkj1b1r9gk05oh

É possível salvar todas as publicações do mural em PDF, no formato de jornal, revista.

         

A professora Maria Luciana de Brito Martins foi logo criar o dela para usar em suas aulas! Veja:

Professores que aprendem, criam, aproveitam a oportunidade, fazem a diferença!

Parabéns, Luciana!

Go for it!

The students need teachers like that!

Deixe o seu comentário!

07/09/2020 - Língua Inglesa

Station Rotation, o ...

Hello, everybody! Você já ouviu falar de Station Rotation ou Rotação por Estações? Essa é uma metodologia ativa, uma forma de promover a interação em sala de aula e desenvolver ao mesmo tempo a autonomia do alun...

07/09/2020 - Língua Inglesa

Station Rotation, o que é? Sugestão com tema Fairy Tales

Hello, everybody!

Você já ouviu falar de Station Rotation ou Rotação por Estações?

Essa é uma metodologia ativa, uma forma de promover a interação em sala de aula e desenvolver ao mesmo tempo a autonomia do aluno e o trabalho em grupo. Com essa estratégia, tarefas são propostas para que sejam desenvolvidas pelas equipes em um tempo curto, em torno de 10 a 15 minutos. Então o professor planeja 4 atividades e distribui em 4 espaços pelos quais as equipes irão transitar. Dado o sinal, a equipe tem 10 minutos para realizar a tarefa proposta. Ao término do tempo, as equipes rotacionam, realizando a próxima atividade. E assim continuam até percorrer todo o percurso.

Essa estratégia dinamiza a aula, lembrando um pouco a ideia dos jogos online, nas quais o aluno precisa cumprir uma tarefa em um determinado tempo para passar para a próxima fase.  Logo, estamos gamificando a aula, quando apresentamos aos alunos essa proposta.

Na Formação Digital do Sistema de Ensino Aprende Brasil, no curso A BNCC está aí. And now What? Caminhos para o Ensino de Língua Inglesa, trabalhamos com muitos professores estudando e desenvolvendo essa proposta. Apresento hoje um exemplo para o 4 ano.

A professora Karoline Aparecida de Oliveira Ribas do Município de São Lourenço do Oeste, SC, desenvolveu o tema FAIRY TALES, relacionado ao volume 2 do 4 ano.

Em primeiro lugar, as estações foram divididas por cores YELLOW, BLUE, RED, PINK. Vale lembrar que é muito importante que exista um momento de apresentação das atividades, antes que as equipes iniciem o percurso de rotação.

Os objetivos dessa atividade são

  1. Apresentar aos alunos o vocabulário referente às características físicas das pessoas ou de alguns lugares que possam aparecer como cenários de contos de fadas.
  2. Trabalhar alguns contos de fadas em língua inglesa.
  3. Promover a interação social em um ambiente seguro e propício ao desenvolvimento de pequenos diálogos e brincadeiras.

 

O material necessário para a atividade é:

Livro Didático Aprende Brasil – Volume 2 – Língua Inglesa, 4 mesas grandes ou médias, projetor, notebook da professora, alguns livros com contos de fadas em língua inglesa, tablets com livros virtuais e interativos, papel a4, lápis de cor, fantasias diversas, caixa de som.

Introdução: Juntar todos os alunos e explicar a eles um panorama geral da atividade, apresentar o tema Fairy Tales e orientar para que eles desenvolvam suas atividades em grupos de quatro integrantes e que depois os grupos circulem pelas estações (que serão divididas por cores) para que todos possam ter as mesmas oportunidades. Nesse momento utilizaremos o livro didático Aprende Brasil volume 2, na parte de Língua Inglesa páginas 2 e 3.

 

The Yellow Station – Mesa com Livros e Tablets   

tarefa: cards / reading / writing

Na estação amarela ocorrerá a leitura dos contos em inglês, talvez eles não consigam entender tudo de início, mas estarão se familiarizando com a língua por meio das palavras e imagens, os alunos poderão escolher os contos de fadas de sua preferência dentre os que estarão disponíveis.

SUGESTÃO: cards      

  

É interessante incluir os contos citados no livro didático, Sleeping Beauty and The Three Little Pigs, acrescentando 2 ou 3, como Jack and the BeanStalk, Snow White, Red Riding Hood, Cinderella. Os alunos devem completar o card com informações sobre o conto (nome, quem, o que, onde, gosto ou não e porquê).

The Blue Station – Fantasias e brincadeiras

tarefa: selfies / game / vocabulary

Na estação azul os alunos encontrarão flashcards com as características das personagens, ou seja (ugly, strong, beautiful, big, weak, bad, etc…) eles escolhem uma fantasia para vestir e poderão brincam com jogo da memória, no qual encontram personagem, nome e adjetivo correspondente.

SUGESTÃO:      selfies

 Os alunos deverão tirar duas selfies com a fantasia e o card com o adjetivo como proposta de tarefa a cumprir na estação. Ao final do percurso, ou na próxima aula, expor para os alunos as selfies em um mural, virtual ou presencial.

The Red Station – Montagem do Livrinho do Material de Apoio

Tarefa: booklet / material de apoio / listening

Na estação vermelha os alunos assistirão ao vídeo em que a professora explica como montar o livrinho “The Three Little Pigs” e também conta a historinha, depois eles mesmos montarão seus próprios livrinhos assistindo ao vídeo novamente e pausando se necessário.

The Pink Station – Teatro

Tarefa: role-play / vídeo / speaking

Na estação rosa os alunos receberão um personagem por meio de um sorteio, eles colocarão a mão em um saco ou caixa de tnt e retirarão um personagem que deverão interpretar na historinha The Three Little Pigs, eles poderão praticar as falas que estarão escritas e também gravadas.

SUGESTÃO: vídeos

Os alunos irão filmar o teatro do qual farão parte. Para envio em um grupo de what’s criado para essa atividade. Ou fica gravado no celular do professor e todos assistem aos vídeos na próxima aula. Pode ser feita votação para a melhor performance.

Por meio dessa estratégia conseguimos envolver os alunos em atividades desafiadoras e divertidas, que trabalham com outras linguagens como visual e digital, performance, trabalho em grupo, criatividade, enfim.

Vale à pena arriscar e tornar a aula mais dinâmica! A rotação por estações permite que os alunos se envolvam nas atividades de maneira ativa, criativa, fazendo escolhas.

Try it! Create! Enjoy!

Cassiana Beghetto

Assessoria de Língua Inglesa

Deixe o seu comentário!

  • Dear Karoline, the activity is very interesting and meaningful! Congratulations! I’m proud of you.
    Would you like to present it in our GT in the coming webseminar “Língua, Literatura e Ensino” of PPGL-UTFPR. It will be on October 5th to 9th? Hope you like the idea and contact us.
    Again, congratualtions!

14/08/2020 - Língua Inglesa

Quarentine, what a l...

Hello, folks! Espero que todos estejam bem nesse período extraordinário que estamos vivendo, cheio de experiências jamais vividas com os alunos. Ainda vamos olhar para trás e dizer: foi um período difícil, mas eu a...

14/08/2020 - Língua Inglesa

Quarentine, what a lovely period of time!

Hello, folks!

Espero que todos estejam bem nesse período extraordinário que estamos vivendo, cheio de experiências jamais vividas com os alunos. Ainda vamos olhar para trás e dizer: foi um período difícil, mas eu aprendi muito!

Enquanto a vacina não vem, vamos aprender e rir juntos das situações que vivemos. Na maioria das vezes, rir é o melhor remédio.  No link a seguir, do Canal Bored Teachers, a professora compartilha esses momentos no vídeo Things we only say when remote teaching. É fácil nos reconhecermos na mesma situação. É algo novo para todo mundo, especialmente para as crianças. Convido a assistir ao vídeo.

E mais, vamos nos identificar também com esse vídeo. Você sente falta da escola? Dos alunos? E canta sozinha pela casa as músicas em inglês? Quem vive com a gente também acaba aprendendo, veja:

É importante perceber que não estamos sozinhos. Do outro lado do mundo, professores enfrentam as mesmas dificuldades e dilemas diante da situação da pandemia, ainda que estejam em outro país. Professores, queridos, não desanimem. Estamos fazendo o nosso melhor! Vale à pena  perceber que não estamos sozinhos nessa!

Take proper care! 

Virtual hugs!

Cassiana

Assessoria de Língua Inglesa

Deixe o seu comentário!

    • Sim, por isso achei interessante dividir isso com vocês. Estamos vivendo uma realidade diferente de tudo o que já vivenciamos. Mas é importante perceber que não estamos sozinhos. O mundo todo vive esse novo desafio, ensinar nesse período. E de uma maneira ou outra estamos evoluindo, estudando, aprendendo novas técnicas, estratégias, metodologias, dando sempre o melhor!

29/06/2020 - Geografia

Competências socioe...

Olá professores! Tudo bem? Alguma vez, ao longo de sua vida, você já se colocou no lugar de outro ser humano? Já refletiu sobre o sofrimento e/ou situação imposta a outrem? Esta semana abordarei brevemente sobre a...

29/06/2020 - Geografia

Competências socioemocionais – Empatia

Olá professores! Tudo bem?

Alguma vez, ao longo de sua vida, você já se colocou no lugar de outro ser humano? Já refletiu sobre o sofrimento e/ou situação imposta a outrem? Esta semana abordarei brevemente sobre a EMPATIA e como ela é importante para o relacionamento interpessoal, por exemplo, o bullying na escola poderia ser minimizado, se o agressor se colocasse no lugar do agredido. Para saber mais clique no link https://www.youtube.com/watch?v=zf9pkYg5Bz8&feature=youtu.be

 

Até o próximo post!

Assessoria de Geografia

Sempre que precisar entre em contato conosco: geografia@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes socias:@aprendebrasil

Deixe o seu comentário!

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante...

Olá, pessoal! Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem! Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano! Nem sempre é necessá...

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante para bebês e crianças bem pequenas

Olá, pessoal!

Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem!

Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano!

Nem sempre é necessário ter brinquedos prontos e estruturados, com barulhinhos e músicas para despertar o interesse dos pequenos. Com dedicação, interesse , imaginação e criatividade é possível inventar brincadeiras, jogos e brinquedos que chamem atenção das crianças, que agucem a curiosidade, a experiência e a descoberta e que contribuam para o seu pleno desenvolvimento.

Hoje, gostaria de apresentar uma brincadeira lúdica para estimular o raciocínio, a coordenação, a diversão e a concentração das crianças.

Objetos da própria casa ou materiais recicláveis que seriam descartados ou jogados no lixo se tornam brinquedos e brincadeiras diferentes, divertidas e de grande aprendizado.

Brinquedo com caixa de ovo

Caixa de ovos vira brinquedo de encaixar.

 A primeira dica é “ furando a caixinha de ovos”.

Furar a caixa de ovos para que a criança possa encaixar hastes flexíveis (ou cotonetes) é ótimo para desenvolver a coordenação motora fina, o movimento pinça, a linguagem corporal e a concentração. Essa brincadeira pode entreter e alegrar os pequenos por muito tempo e ser repetida várias vezes.

Para fazer esta atividade, pegue um objeto perfurante (pode ser uma chave de fenda ou tesoura), fure a caixa de ovo e dê as hastes flexíveis para a criança começar a encaixá-las nos buraquinhos feitos, se entreter e brincar. Vale lembrar que esta brincadeira deve ser supervisionada por um adulto, já que as hastes podem ser atrativas para as crianças e colocadas em lugares perigosos, como olhos e boca.

Outra opção é “enchendo a caixinha de ovos”.

Esta sugestão também é ótima para desenvolver a coordenação motora, o movimento pinça, a noção de espaço, o raciocínio e demais habilidades.

Para esta proposta, pegue uma caixinha de ovos, deixe-a aberta e coloque-a sobre um tapete no chão da sala ou do quarto ou de outro ambiente da casa que desejar.

Coloque dentro de uma caixinha ou pote ou pratinho de plástico alguns objetos ( tampas de garrafa pet, pompons de lã, bolinhas feitas de massinha de modelar, pecinhas de lego, enfim o que desejar e que tiver disponível e que seja do tamanho suficiente para colocar no lugar dos “ ovos” que não estão mais na caixa).

Em seguida, é só deixar a criança colocar os objetos dentro dos espaços vazios da caixinha de ovos. É interessante observar se a criança coloca um único objeto ou mais de um no mesmo espaço, se preenche todos os espaços vazios, se coloca e depois retira o objeto para repetir a brincadeira, pega um de cada vez ou se consegue pegar dois ou mais objetos e coloca-os em uma única vez, enfim observar qual foi a estratégia e raciocínio utilizado por ela ao tentar completar a caixinha de ovos. Lembro novamente, que esta brincadeira deve ser supervisionada por um adulto, já que os objetos disponibilizados podem ser atrativos para as crianças e colocados na boca.

 

 

 

 

 

As duas propostas são muito interessantes para essas faixas etárias e é importante, por parte do adulto proporcionar situações que possam instigar o pensamento e a descoberta da criança, fazendo alguns questionamentos como:

“Porque você colocou a haste aqui e não ali?”

“Parabéns, você colocou as hastes em todos os buraquinhos da caixinha!”

“Será que todas as hastes foram colocadas nos buraquinhos da caixinha?”

“Quer minha ajuda?”

“Porque você não colocou todos os objetos dentro dos espaços vazios da caixinha de ovos?”

“Porque você colocou os objetos na caixinha sempre deixando um espaço vazio entre eles?”

“Porque você colocou dois objetos num único espaço da caixinha?”

“Ficou algum espaço sem ser preenchido?”

“Parabéns, você preencheu todos os espaços vazios da caixinha de ovos.”

É importante a interação, a participação e a observação do adulto durante a realização da atividade. Assim, é possível perceber as capacidades, o interesse, a motivação, as dificuldades e as conquistas da criança, assim como propostas tão simples podem contribuir para o seu pleno desenvolvimento.

Depois que brincar com seus pequenos, deixe um comentário contando como foi a experiência da caixinha de ovos.

Forte abraço e até o próximo post!

Equipe Assessoria Educação Infantil

Não hesitem, entrem sempre em contato conosco pelo e-mail edinfantil@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

 

Deixe o seu comentário!

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante...

Olá, pessoal! Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem! Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano! Hoje, gostaria de apre...

29/06/2020 - Educação Infantil

Quarentena brincante para crianças pequenas

Olá, pessoal!

Espero que o final de semana tenha sido feliz e que todos estejam bem!

Como já constatado, percebemos que as brincadeiras auxiliam a estimular os aspectos do desenvolvimento humano!

Hoje, gostaria de apresentar um jogo que ajuda no desenvolvimento do raciocínio, da lógica, estratégia e resolução de problemas, prever o movimento do adversário, aprender a formar sequência e ter paciência.Vocês conseguem adivinhar sobre qual jogo estou me referindo?

Mais uma dica para vocês: pode-se jogá-lo dentro e fora de casa, utilizando materiais variados.

Simmm!! JOGO DA VELHA – Esse é o nome do jogo!

O Jogo da Velha (ou Jogo do Galo como é conhecido em Portugal, ou Tic Tac Toe) é milenar. Estudiosos de jogos antigos dizem que no Antigo Egito já havia registros de tabuleiros da “Velha” esculpidos em pedras. Que bacana, não é?

Eu joguei muito esse jogo e adorava jogá-lo! E vocês conhecem esse jogo? Vocês sabiam que podemos criar outras possibilidades para jogá-lo?

Regras do Jogo da Velha

  • O tabuleiro é uma matriz  de três linhas por três colunas.
  • Dois jogadores escolhem uma marcação cada um, geralmente um círculo (O) e um xis (X).
  • Os jogadores alternadamente, fazem uma marcação por vez, numa lacuna que esteja vazia.
  • O objetivo é conseguir três círculos (O) ou três xis (X) em linha, quer horizontal, vertical ou diagonal, e ao mesmo tempo, quando possível, impedir o adversário de ganhar na próxima jogada.
  • Quando um jogador conquista o objetivo, costuma-se riscar os três símbolos.

Se os dois jogadores jogarem sempre da melhor forma, o jogo terminará sempre em empate.

É uma brincadeira que permite ter algumas variações e possibilidades de aproveitamento em várias situações.

Vamos ver algumas delas?

Jogo da velha no tabuleiro (o tabuleiro pode ser substituído por sulfite, cartolina ou outros papeis lisos disponíveis em casa)

  • Para jogar, desenhe um diagrama com duas linhas verticais paralelas cruzadas por duas linhas horizontais também paralelas, de maneira a formar nove espaços vazios. Dois jogadores escolhem uma marcação cada um, geralmente um círculo (O) e um xis (X) feitas com caneta ou lápis de cor ou giz de cera. Porém, se preferir pode-se substituir as marcações círculo (O) e xis (X) por outros materiais como tampinhas de garrafa pet ( escolher duas cores diferentes), botões ( escolher duas cores ou dois formatos diferentes), quadradinhos feitos de papel ou EVA ( escolher duas cores ou dois formatos diferentes). Porém, cuidado com peças muito pequenas para que as crianças não as levem à boca!

 

 

 

 

 

Jogo da velha com prato descartável.

É só usar a fita adesiva para fazer o desenho do tabuleiro no chão da sala, da garagem da sua casa ou no jardim.

  • Utilize pratinhos de cores diferentes para cada jogador ou faça uma marcação diferente nos pratinhos de cada jogador, como: para um jogador pratinhos marcados com X e para o outro jogador pratinhos marcados com um tracinho. Ou, se preferir cole imagens ( sol, coração, estrela, flor, etc,.) que simbolizem a diferença dos pratinhos dos dois jogadores . Depois, é só jogar!

Jogo da Velha Humano

Para essa sugestão é necessário fazer um tabuleiro gigante com fita crepe no chão da sala, da garagem da sua casa ou no jardim.

  • Seis pessoas podem brincar, três em cada time que corresponde a dois times. A equipe do xix (X) ficam com os braços abertos. A equipe do círculo (O) com as mãos na cintura. Cada um na sua vez se posiciona numa casinha do tabuleiro até formar a “Velha”.

Super divertido! Se não tiver tantas pessoas para jogar, você pode complementar o tabuleiro com objetos como uma bola, um chinelo, folhas de árvores, gravetos, pedras, enfim o objeto que desejar e que tiver disponível em sua residência.

Jogo da velha com palitos de picolé

Para essa sugestão é necessário fazer um tabuleiro com quatro palitos de picolé no chão da sala, da cozinha, do quarto ou sobre uma mesa. Dois devem ficar na posição vertical e dois na horizontal para formar o tabuleiro como feito no papel.

  • Utilize palitos coloridos ou peça para a criança pintá-los com giz de cera ou tinta guache. Você poderá jogar com tampinhas de garrafa pet (escolher duas cores diferentes) ou fazer marcações diferentes nas tampinhas dos dois jogadores ou escolha os objetos disponíveis em sua residência para poder jogar. Com o tabuleiro pronto é só iniciar o jogo!

 

E aí, que tal experimentar alguma dessas possibilidades e jogar com sua família?

Depois, conte para nós como foi a sua experiência com essas possibilidades diferentes do jogo da velha! Ou crie uma outra e compartilhe conosco! Ficaremos muito felizes com sua ideia e comentário!

Forte abraço e até o próximo post!

Equipe Assessoria Educação Infantil

Não hesitem, entrem sempre em contato conosco pelo e-mail edinfantil@aprendebrasil.com.br

Siga nossas redes sociais: @aprendebrasil

REFERÊNCIAS:

Brincadeira adaptada de: https://www.tempojunto.com/2016/05/19/jogo-da-velha-e-uma-brincadeira-para-dentro-e-fora-de-casa-que-estimula-a-velocidade-de-raciocinio/ Acesso em: 28/06/2020

Deixe o seu comentário!